Tito 1

1Da parte de Paulo, servo de Deus e apóstolo de Jesus Cristo, para ajudar a fé daqueles que Deus escolheu para o conhecimento da verdade, conforme a doutrina 2que se baseia na esperança da vida eterna. Deus, que não mente, prometeu-nos essa vida, desde tempos imemoriais. 3E, no tempo apropriado, deu-nos a conhecer a sua palavra, na mensagem que me foi confiada e que eu agora anuncio por ordem de Deus, nosso Salvador. 4A Tito, meu verdadeiro filho na fé que partilhamos, desejo graça e paz, da parte de Deus, nosso Pai, e de Jesus Cristo, nosso Salvador. 5Quando te deixei em Creta, foi para acabares de organizar o que ainda faltava e para nomeares presbíteros em cada localidade, conforme as instruções que te dei. 6O presbítero deve ser alguém irrepreensível, marido fiel, com filhos crentes, que não sejam culpados de mau comportamento ou de rebeldia. 7Pois um bispo deve ser irrepreensível nas coisas de Deus e por isso não pode levar uma vida reprovável. Não deve ser orgulhoso, nem ter mau génio; não se deve embriagar, nem ser violento, nem ganancioso. 8Mas deve ser hospitaleiro e ser um homem de bem, prudente, justo, piedoso e disciplinado. 9Deve manter-se firme e fiel no ensino da palavra. Assim será capaz de encorajar os outros na verdadeira doutrina e de mostrar aos que se lhe opõem que estão no erro. 10Há muitos, principalmente dos que antes eram judeus, que são insubordinados, charlatães e enganadores. 11É preciso fazê-los calar, porque andam a desorientar famílias inteiras e ensinam o que não devem só para ganharem dinheiro desonestamente. 12Foi mesmo um desses, que era tido entre eles como profeta, que afirmou: «Os de Creta só dizem mentiras. São animais perigosos e comilões preguiçosos.» 13E esta opinião é bem verdade. Portanto, tens de os repreender com firmeza para que eles vivam com fidelidade; 14e não façam mais caso de histórias inventadas por judeus nem de doutrinas ensinadas por homens que se desviam da verdade. 15Tudo é puro para os puros, mas nada é bom para os que estão corrompidos e para os descrentes; pois até o seu entendimento e a sua consciência ficam corrompidos. 16Afirmam que conhecem a Deus, mas negam isso com as suas acções. São desprezíveis, teimosos e incapazes de qualquer boa acção.

will be added

X\