Salmos 60

1Ao director do coro. Segundo a melodia «Um lírio é um testemunho». Poema da colecção de David. Para instruir. 2David combateu contra os arameus da Mesopotâmia e Sobá e Joab, ao regressar, matou doze mil edomeus no vale do Sal. 3Ó Deus, rejeitaste-nos e deixaste abrir brechas em nós; apesar da tua ira, restabelece-nos. 4Abalaste a nossa terra e fendeste-a; tapa as suas fendas, porque se desmorona! 5Fizeste que o teu povo passasse duras provas; deste-nos a beber um vinho que enlouquece. 6Dá agora um sinal aos teus fiéis, para que possam fugir às flechas. 7Liberta aqueles que amas! Responde-nos e salva-nos com o teu poder! 8Deus disse no seu santuário: «Com que alegria dividirei Siquém e medirei o vale de Sucot! 9Guilead e Manassés pertencem-me; Efraim é o meu capacete e Judá, o meu ceptro real. 10Moab é a bacia em que me lavo; e sobre Edom assentarei a minha sandália. Filisteus, regozijem-se comigo!» 11Quem me conduzirá à cidade fortificada? Quem me guiará até Edom, 12se não fores tu, ó Deus? Mas tu repeliste-nos e já não acompanhas os nossos exércitos. 13Ajuda-nos contra os inimigos, porque a ajuda dos homens nada vale. 14Com a ajuda de Deus alcançaremos a vitória; ele mesmo calcará aos pés os nossos inimigos.

will be added

X\