Êxodo 30

1«Faz também um altar de madeira de acácia, para se apresentarem ofertas de incenso. 2Será quadrado, com cinquenta centímetros de lado e um metro de altura. Os cantos salientes do altar devem formar com ele uma única peça. 3Deves revestir de ouro puro a parte superior do altar, todos os lados e os cantos. Põe-lhe em volta uma guarnição de ouro. 4Põe-lhe argolas de ouro por cima da guarnição, duas de cada lado, para passarem por elas dois varais, destinados a transportá-lo. 5Faz os varais de acácia e reveste-os de ouro. 6Coloca o altar diante da cortina que está diante da arca com o documento da aliança, diante da cobertura da arca, no lugar em que me encontrarei contigo. 7É neste lugar que, todas as manhãs, à hora de preparar as lâmpadas, Aarão queimará incenso aromático sobre o altar; 8e fará o mesmo ao entardecer, à hora de acender as lâmpadas. Assim haverá eternamente, de geração em geração, o perfume do incenso na presença do SENHOR. 9Não ofereças sobre este altar nenhum outro incenso, nem holocaustos, nem ofertas de cereais, nem libações de vinho em honra do SENHOR. 10Este altar será inteiramente consagrado ao SENHOR, e uma vez por ano, para sempre, Aarão oferecerá sobre os cantos salientes do altar o sangue do sacrifício para perdão dos pecados.» 11O SENHOR disse a Moisés: 12«Quando fizeres o recenseamento do povo de Israel, cada um deles pagará ao SENHOR o resgate pela sua pessoa, por ocasião do recenseamento, para não cair sobre eles nenhuma desgraça. 13Todos os recenseados darão, como tributo ao SENHOR, cinco gramas de prata, que é metade da unidade de peso oficial do santuário. 14Todos os recenseados maiores de vinte anos darão este tributo ao SENHOR; 15nem o rico dará mais nem o pobre dará menos ao SENHOR, pelo resgate da sua vida, do que cinco gramas de prata. 16A prata recolhida dos israelitas deves empregá-la no serviço da tenda do encontro, para recordar ao SENHOR que os filhos de Israel lhe entregaram o resgate pelas suas vidas.» 17O SENHOR disse ainda a Moisés: 18«Faz uma bacia de bronze para abluções, com uma base também de bronze, e coloca-a entre a tenda do encontro e o altar. Deita água na bacia 19e Aarão e os seus filhos lavarão nela as mãos e os pés. 20Quando entrarem na tenda do encontro e se aproximarem do altar, para exercerem as suas funções e queimarem ofertas em honra do SENHOR, devem lavar-se com essa água, para não correrem o risco de morrer. 21Esta obrigação de lavarem as mãos e os pés, para não morrerem é uma lei perpétua, para eles e para os seus descendentes, por todas as gerações.» 22O SENHOR disse também a Moisés o seguinte: 23«Escolhe tu mesmo as melhores plantas aromáticas, uns seis quilos da melhor mirra, uns três quilos de canela aromática, 24uns seis quilos de cássia, pesados segundo o peso oficial do santuário, e três litros e meio de azeite de oliveira. 25Faz com tudo isto o óleo, perfumado e preparado com a arte de um perfumista, para o ritual de consagração. Esta será o óleo para a unção de consagração. 26Deves consagrar com ele a tenda do encontro, a arca com o documento da aliança, 27a mesa e todos os acessórios, o candelabro e os acessórios, o altar do incenso, 28o altar dos holocaustos, com todos os utensílios, e a bacia com a sua base. 29Assim consagrados, tornar-se-ão coisas santíssimas e tudo o que neles tocar ficará consagrado. 30Com esse mesmo óleo deves ungir e consagrar também Aarão e seus filhos, para que sejam meus sacerdotes. 31Depois dirás ao povo de Israel que este será para mim o óleo de consagração, através dos séculos. 32Não deverá ser usado para qualquer pessoa, nem podem fazer outro semelhante a este. É uma coisa sagrada e como tal o devem considerar. 33Se alguém preparar um óleo igual a este ou com ele ungir um estranho, será eliminado do seu povo.» 34O SENHOR disse a Moisés: «Arranja os seguintes ingredientes em partes iguais: bálsamo, unha aromática e gálbano aromático; 35e com eles prepara um incenso puro e santo, misturando tudo bem, como o perfumista faz para os perfumes. 36Reduz uma parte a pó muito fino e põe-no diante da arca da aliança, na tenda do encontro, ou seja onde eu me encontrarei contigo. Este incenso será para vocês o mais sagrado. 37Não deverão fazer para vosso uso outro incenso de composição igual à deste. Deves considerá-lo como coisa sagrada, reservada ao SENHOR. 38Quem fizer um incenso igual para servir de perfume, será eliminado do seu povo.»

will be added

X\