Actos 6

1Naquela altura, o número de pessoas que aceitavam a fé era cada vez maior. Por isso houve um certo descontentamento por parte dos crentes de língua grega contra os crentes de língua hebraica, porque as sua viúvas eram esquecidas na distribuição diária de auxílios. 2Então os doze apóstolos reuniram todos os crentes e disseram: «Não está certo que deixemos de pregar a palavra de Deus para nos ocuparmos da distribuição de auxílios. 3Por isso, irmãos, escolham dentre vós sete homens de confiança, cheios do Espírito Santo e de sabedoria, para os encarregarmos desse serviço. 4E nós continuamos a dar o nosso tempo à oração e ao ministério da palavra de Deus.» 5Todos concordaram com a proposta e escolheram então Estêvão, homem cheio de fé e do Espírito Santo, Filipe, Prócoro, Nicanor, Timão, Parmenas e Nicolau, que era natural de Antioquia e se tinha convertido à religião judaica. 6Apresentaram estes homens aos apóstolos que oraram por eles e impuseram as mãos sobre as suas cabeças. 7Assim se espalhava cada vez mais a palavra de Deus e o número de crentes aumentava em Jerusalém. Também um grande número de sacerdotes aceitava a fé cristã. 8Estêvão, cheio de graça e do poder de Deus, fazia grandes prodígios e sinais milagrosos entre o povo. 9Entretanto, apareceram a discutir com Estêvão os judeus da sinagoga chamada dos “Homens Livres” com os que tinham vindo das cidades de Cirene e Alexandria e das regiões da Cilícia e da Ásia. 10Mas não conseguiram contradizer Estêvão devido ao espírito de sabedoria com que ele falava. 11Instigaram então algumas pessoas para dizerem: «Ouvimos este homem falar contra Moisés e contra Deus!» 12E excitaram o povo, os anciãos e os doutores da lei. Depois apareceram de surpresa, agarraram Estêvão e levaram-no ao tribunal. 13Apresentaram falsas testemunhas que declararam: «Este homem não faz outra coisa senão falar contra o nosso santo templo e contra a Lei de Moisés. 14Até o ouvimos afirmar que esse Jesus de Nazaré vai destruir o templo e mudar as tradições que Moisés nos deixou.» 15Todos os membros do tribunal judaico tinham os olhos postos em Estêvão e viram que o seu rosto era como o de um anjo.

will be added

X\