Actos 3

1Uma vez, Pedro e João iam para o templo para a oração das três horas da tarde. 2Era ali levado todos os dias um homem, coxo de nascença, e colocado à porta do templo chamada “Formosa”, para pedir esmola aos que por ali entravam. 3Quando ele viu Pedro e João a entrarem, pediu uma esmola. 4Eles fixaram os olhos nele, e Pedro disse: «Olha para nós!» 5O homem olhou para eles pensando que ia receber alguma coisa. 6Então Pedro disse-lhe: «Não tenho prata nem ouro, mas vou dar-te aquilo que tenho. Em nome de Jesus Cristo de Nazaré, eu te digo: levanta-te e anda!» 7Pedro depois pegou na mão direita do homem e ajudou-o a levantar-se. Nesse mesmo instante, os pés e os artelhos ficaram fortes 8e ele pôs-se de pé num salto e começou a andar. Entrou com eles no templo, caminhando, saltando e agradecendo a Deus. 9Toda a gente o viu a andar e a louvar a Deus. 10Reconheceram que era o mesmo que costumava estar sentado a pedir esmola à porta “Formosa” do templo e ficaram admirados e espantados com o que lhe tinha acontecido. 11O homem que tinha sido curado não largava Pedro e João. E toda a gente, cheia de espanto, correu para onde eles estavam, na parte do templo chamada Pórtico de Salomão. 12Quando Pedro viu aquilo, falou assim ao povo: «Israelitas, por que estão assim tão admirados e por que olham para nós dessa maneira? Julgam que foi pelo nosso próprio poder ou pela nossa piedade que fizemos andar este homem? 13O Deus de Abraão, de Isaac e de Jacob, Deus dos nossos antepassados, quis assim glorificar o seu servo Jesus, aquele que vocês entregaram às autoridades. E quando Pilatos o quis soltar recusaram. 14Recusaram aquele que era o santo, o justo, e pediram a liberdade para um criminoso. 15Desse modo, mataram quem dá a vida. Mas Deus ressuscitou-o, e nós somos testemunhas disso. 16Foi a fé no poder de Jesus que deu forças a este homem que aqui vêem e bem conhecem. Essa fé em Jesus curou-o completamente, como todos estão a ver. 17Eu sei, irmãos, que tanto vocês como os vossos chefes o fizeram por ignorância. 18Mas cumpriu-se desse modo aquilo que Deus já antes tinha dito pela boca de todos os profetas: que o seu Messias tinha de sofrer. 19Portanto, arrependam-se e mudem de vida, para que Deus vos perdoe os pecados. 20Desse modo, o Senhor vos dará dias de paz e vos enviará Jesus, o Messias, conforme tinha planeado a pensar em vós. 21Jesus, por agora, terá de ficar no Céu, até que chegue o tempo de renovar todas as coisas, conforme Deus mandou dizer há muito tempo pelos seus santos profetas. 22Com efeito, Moisés disse: O Senhor Deus há-de fazer aparecer de entre vós um profeta semelhante a mim. Hão-de prestar atenção a tudo o que ele vos disser. 23Quem não der ouvidos a esse profeta será excluído do povo de Israel. 24E também todos os profetas, desde Samuel em diante, anunciaram o que se ia passar nos tempos de hoje. 25As promessas que Deus fez por intermédio dos profetas são para vosso benefício e assim participam da aliança que Deus fez com os vossos antepassados, quando disse a Abraão: Todos os povos do mundo serão abençoados por meio da tua descendência. 26Deus, depois de ressuscitar o seu Servo, enviou-o primeiramente a vós para vos abençoar e afastar do mal que fazem.»

will be added

X\