2 Timóteo 4

1Diante de Deus e de Cristo Jesus, que há-de vir julgar os vivos e os mortos, e em nome da sua vinda e do seu reino, uma coisa te peço encarecidamente: 2prega a palavra; insiste a tempo e fora de tempo; avisa, repreende, exorta com muita paciência e dedicação ao ensino. 3Pois há-de vir o tempo em que os homens não aguentarão a sã doutrina, mas no desejo de ouvir coisas agradáveis ao ouvido, hão-de ir à procura de muitos mestres. 4Deixam de prestar atenção à verdade e correm atrás de lendas. 5Mas tu, sê vigilante em tudo, suporta as dificuldades, comporta-te como mensageiro do evangelho e cumpre a tua missão. 6Quanto a mim, chegou a hora de oferecer a minha vida em sacrifício e o tempo da minha morte aproxima-se. 7Lutei pela boa causa, percorri o meu caminho e guardei a fé. 8Só me resta agora receber a merecida recompensa, que o Senhor me dará no dia do juízo. Ele é o juiz justo e há-de dar-me essa recompensa não só a mim, mas também a todos aqueles que esperaram com amor a sua manifestação. 9Vem ter comigo o mais depressa possível, 10pois Demas abandonou-me. Preferiu as coisas deste mundo e foi para Tessalónica. Crescente foi para a Galácia e Tito para a Dalmácia. 11Só Lucas é que ficou comigo. Traz contigo Marcos, que me é muito útil no cumprimento da minha missão. 12Tíquico mandei-o para Éfeso. 13Quando vieres, traz-me a capa que deixei em Tróade em casa de Carpo. Traz também os manuscritos, sobretudo os que estão escritos em pele. 14Alexandre, o latoeiro, fez-me muito mal. Que Deus o trate conforme merece. 15Tem cuidado com ele, pois levantou muitas dificuldades à minha pregação. 16No meu primeiro julgamento ninguém me defendeu. Todos me abandonaram. Que Deus lhes perdoe. 17Mas o Senhor esteve comigo, deu-me forças e fez com que a boa nova que lhes anunciei desse muito fruto e que todos os não-judeus me escutassem. Assim fui salvo da boca do leão. 18O Senhor há-de livrar-me de todo o mal e há-de dar-me a salvação no seu reino celestial. A ele seja dada glória para todo sempre. Ámen. 19Dá cumprimentos meus a Prisca e Áquila e à família de Onesíforo. 20Erasto ficou em Corinto. Trófimo deixei-o doente em Mileto. 21Faz o possível por vires antes do Inverno. Éubulo, Pudente, Lino, Cláudia e todos os crentes mandam-te cumprimentos. 22Que o Senhor esteja contigo e que a graça de Deus esteja convosco!

will be added

X\