2 Coríntios 6

1Como colaboradores de Deus, pedimo-vos que não desperdicem a graça que dele receberam. 2Diz, com efeito, a Sagrada Escritura: Escutei-te, no tempo oportuno, e ajudei-te, no dia da salvação. Pois é agora o tempo oportuno, este é o dia em que se pode alcançar a salvação. 3Não queremos que ninguém se escandalize por nossa causa, para que a nossa missão não seja desconsiderada. 4Pelo contrário, mostramos pelo nosso comportamento que somos servos de Deus. Temos suportado com paciência sofrimentos, necessidades, angústias, 5espancamentos, prisões, tumultos, fadigas, vigílias e fome. 6Vivemos com pureza, ponderação, paciência e bondade. Deixamo-nos guiar pelo Espírito Santo e por um amor sincero. 7Anunciamos a palavra de Deus com toda a verdade, ajudados pelo seu poder. E, em todas as ocasiões, servimo-nos somente das armas da justiça, tanto na defesa como no ataque. 8Por uns somos honrados, por outros desprezados; alguns caluniam-nos, outros dizem bem de nós. Somos tidos como mentirosos embora sejamos verdadeiros; 9como desconhecidos, apesar de sermos bem conhecidos; como quem está para morrer, ainda que estejamos cheios de vida; como pessoas castigadas, sem chegarmos a morrer. 10Consideram-nos tristes, mas andamos sempre alegres. Somos tidos como pobres, embora enriqueçamos muitos; e como quem nada possui quando temos tudo. 11Irmãos de Corinto, falamo-vos com toda a franqueza e abrimo-vos inteiramente o nosso coração, 12onde têm sempre lugar. Mas da vossa parte não acontece o mesmo. 13Falo convosco como se fossem meus filhos. Usem comigo a mesma medida! Abram-me também os vossos corações. 14Não se prendam aos que não têm fé. Pois que poderá haver de comum entre a justiça e a imoralidade? Que ligação existe entre a luz e a escuridão? 15Que harmonia pode haver entre Cristo e o Diabo? Ou que colaboração pode haver entre um crente e um descrente? 16Que tem o templo de Deus a ver com os falsos deuses? É que nós somos o templo do Deus vivo. Com efeito, Deus disse: Habitarei no meio deles e viverei com eles: serei o seu Deus e eles serão o meu povo. 17Por isso, diz o Senhor: saiam do meio deles e separem-se deles. Não tenham contactos com o que é profano e eu hei-de receber-vos na minha casa. 18Então serei o vosso pai e vós sereis meus filhos e minhas filhas, diz o Senhor todo-poderoso.

will be added

X\