2 Coríntios 13

1Vou visitar-vos pela terceira vez. Como diz a Sagrada Escritura: toda a acusação deve ser apoiada na palavra de duas ou três pessoas. 2Já vos avisei quando aí estive pela segunda vez e agora volto a fazê-lo. Aqueles que cometeram pecados e todos os outros devem saber que quando eu voltar não vou ter misericórdia deles. 3Assim vou dar-vos as provas que querem de que Cristo fala por mim. Ele não se mostra fraco para convosco mas poderoso no vosso meio. 4Pois foi crucificado em fraqueza, mas vive pelo poder de Deus. Assim também nós somos fracos nele mas viveremos com ele pelo poder de Deus para vosso benefício. 5Façam um exame das vossas vidas e vejam bem se a vossa fé é verdadeira. Será que reconhecem a presença de Jesus Cristo nas vossas vidas? Se não, são reprovados por Deus! 6Espero que saibam que não somos reprovados por Deus. 7Pedimos a Deus que não façam nenhum mal. Não para que sejamos com isso aprovados, mas para que façam o bem, ainda que pareça que fomos reprovados. 8Com efeito, nada podemos fazer contra a verdade, mas sim a favor da verdade. 9Sentimos alegria em ser fracos, quando vos vemos assim fortes. O que pedimos é que cheguem à maturidade completa. 10Escrevo estas coisas antes de aí chegar, para não ter de proceder com dureza quando aí estiver. O Senhor deu-me autoridade para vos ajudar a crescer na fé e não para vos destruir. 11Termino, irmãos, com um pedido: sejam alegres, procurem alcançar a maturidade completa e animem-se uns aos outros. Vivam unidos e em boa harmonia, e o Deus de amor e de paz estará convosco. 12Saúdem-se uns aos outros com um beijo fraterno. Daqui, todos os irmãos na fé vos mandam saudações. 13Que a graça do Senhor Jesus Cristo e o amor de Deus e a comunhão com o Espírito Santo estejam com todos vós.

will be added

X\