1 Reis 11

1Além da filha do faraó, o rei Salomão amou muitas mulheres estrangeiras: moabitas, amonitas, edomitas, sidónias e hititas, 2pertencentes a nações sobre as quais o SENHOR tinha dito aos israelitas: «Não procurem mulheres dessas nações, nem deixem que os seus homens casem com as vossas mulheres, porque isso vos levaria a corromper o vosso coração e a adorar os seus deuses.» Mas Salomão enamorou-se dessas mulheres e deixou-se prender por elas. 3Teve setecentas esposas de sangue real e trezentas outras esposas secundárias que o desviaram de Deus. 4Quando já era velho, as suas mulheres levaram-no a adorar outros deuses, de modo que ele deixou de amar o SENHOR, seu Deus, de todo o seu coração, não seguindo nisso o exemplo de David, seu pai. 5Salomão prestou culto a Astarté, deusa dos sidónios, e a Milcom, ídolo repugnante dos amonitas. 6Desagradou com isso ao SENHOR, porque não lhe obedeceu inteiramente, como David, seu pai. 7No monte que fica a leste de Jerusalém, Salomão construiu um santuário pagão em honra de Camós, deus repugnante dos moabitas, e outro a Moloc, deus repugnante dos amonitas. 8E fez o mesmo para agradar a cada uma das suas mulheres estrangeiras, que queriam queimar incenso e oferecer sacrifícios aos seus deuses. 9Então o SENHOR, Deus de Israel, que já lhe tinha aparecido duas vezes, irritou-se com Salomão, por se ter afastado dele. 10Ora, o SENHOR tinha-lhe ordenado precisamente que não prestasse culto a outros deuses, mas ele não fez caso do que o SENHOR lhe tinha ordenado. 11Por isso, o SENHOR disse a Salomão: «Já que procedeste assim e não cumpriste os compromissos da aliança e as leis que te ordenei, vou tirar-te o reino e dá-lo a um dos que estão ao teu serviço. 12No entanto, por amor de David, teu pai, não o farei enquanto fores vivo, mas sim durante o reinado do teu filho. 13Não lhe tirarei todo o reino; vou deixar-lhe uma tribo, por amor do meu servo David e de Jerusalém, a cidade que escolhi.» 14Então o SENHOR fez de Hadad, da família real de Edom, um inimigo de Salomão. 15Na altura em que David combateu o reino de Edom, quando Joab, chefe do exército israelita, foi sepultar os seus mortos, matou todos os homens de Edom, 16durante os seis meses que lá ficou com os israelitas. Ele e os seus soldados exterminaram todos os homens de Edom, 17só escapando Hadad, que era então uma criança pequena, e alguns servos de seu pai, que fugiram para o Egipto, levando a criança. 18Partiram de Madiã e foram até Paran, onde contrataram alguns homens que seguiram com eles para o Egipto. Quando lá chegaram, apresentaram-se ao faraó, rei do Egipto, que lhes deu casa e terras e lhes garantiu comida. 19Hadad ganhou de tal modo a amizade do faraó, que este lhe deu por esposa a sua cunhada, irmã da rainha Tapnes. 20Desta irmã da rainha teve Hadad um filho, chamado Guenubat, que a própria Tapnes criou no palácio real, juntamente com os filhos do faraó. 21Quando Hadad soube no Egipto que o rei David tinha morrido e que Joab, o chefe do exército tinha morrido também, disse ao faraó: «Deixa-me voltar para a minha terra.» 22O rei perguntou-lhe: «Falta-te aqui alguma coisa, para quereres voltar para a tua terra?» Hadad respondeu: «Não me falta nada, mas deixa-me partir.» 23Deus fez também de Rezon um inimigo de Salomão. Rezon, filho de Eliadá, tinha fugido do seu soberano, Hadad-Ézer, rei de Sobá. 24Depois de David ter derrotado Hadad-Ézer, Rezon reuniu alguns homens e tornou-se chefe duma quadrilha. Rezon e os seus homens foram viver para Damasco e ali a quadrilha proclamou-o rei 25e tornou-se rei da Síria. Durante todo o reinado de Salomão, Rezon foi um inimigo de Israel. E, tal como Hadad, detestava Israel e causou-lhe muitos danos. 26Jeroboão, filho de Nebat, revoltou-se também contra Salomão. Jeroboão era oficial do rei, natural da cidade de Sereda, da tribo de Efraim. Sua mãe era uma viúva chamada Serua. 27A causa da sua revolta contra o rei foi a seguinte: Salomão tinha construído o terrapleno de Milo, para tapar as brechas da cidade de David, seu pai. 28Jeroboão era um jovem forte e decidido. Salomão, vendo que ele era tão activo, designou-o como capataz de todos os trabalhadores das tribos de Efraim e Manassés. 29Um dia em que Jeroboão saía de Jerusalém, encontrou-se no caminho com o profeta Aías de Silo, que levava uma capa pelas costas. Estavam os dois sozinhos no campo. 30Aías tirou a capa dos ombros, rasgou-a em doze pedaços 31e disse a Jeroboão: «Toma lá dez pedaços e escuta o que o SENHOR, Deus de Israel, tem para te dizer: “Vou tirar o reino a Salomão e confiar-te-ei dez das tribos. 32Salomão ficará com uma só tribo, por amor de meu servo David e de Jerusalém, a cidade que escolhi entre todas as cidades das tribos de Israel, 33porque me abandonaram e se inclinaram diante de Astarté, deusa dos sidónios, Camós, deus dos moabitas, e Milcom, deus dos amonitas. Não seguiram pelo caminho que eu lhes indiquei, que era obedecerem às minhas leis, preceitos e decretos, como fez David, pai de Salomão. 34Contudo, não lhe tirarei todo o reino; vou deixá-lo governar enquanto viver, por amor do meu servo David, a quem escolhi, o qual cumpriu os meus mandamentos e as minha leis. 35Tirarei, por isso, o reino ao seu filho; e a ti, Jeroboão, entregarei dez tribos. 36Deixarei uma tribo ao seu filho, para que o meu servo David tenha sempre um dos seus descendentes a reinar perante mim em Jerusalém, a cidade que escolhi para dela fazer o meu santuário. 37Quanto a ti, Jeroboão, vou fazer de ti rei de Israel e reinarás sobre todo o território que quiseres. 38Se obedeceres a tudo o que eu te ordenar, se viveres segundo os meus preceitos e fizeres aquilo que me agrada, pondo em prática o que eu te mandar, como fez o meu servo David, estarei sempre contigo e prometo que os teus descendentes formarão uma dinastia firme, como os de David. Dar-te-ei as dez tribos de Israel, 39para humilhar os descendentes de David, mas não para sempre.”» 40Salomão tentou matar Jeroboão, mas ele fugiu para junto do rei Chichac, no Egipto, onde permaneceu até à morte de Salomão. 41O resto da história de Salomão, a sua sabedoria e tudo o que ele fez, está escrito no livro das Crónicas de Salomão. 42Salomão foi rei de todo o povo de Israel durante quarenta anos, em Jerusalém. 43Quando morreu, foi sepultado na cidade de David, seu pai. Seu filho Roboão sucedeu-lhe no trono.

will be added

X\