1 Coríntios 1

1Da parte de Paulo, chamado por Deus para ser apóstolo de Cristo Jesus, e o irmão Sóstenes, 2à igreja de Deus que vive na cidade de Corinto. Dirigimo-nos a esses que, por Cristo Jesus, foram consagrados a Deus e chamados a pertencerem ao seu povo, bem como a todos os que, em qualquer lugar, invocam o nome de Jesus Cristo, Senhor deles e nosso. 3Que Deus, nosso Pai, e Jesus Cristo, nosso Senhor, vos dêem graça e paz. 4Dou continuamente graças ao meu Deus a vosso respeito, por causa dos dons que ele vos concedeu por meio de Jesus Cristo. 5Pela união com ele tornaram-se ricos em tudo: na capacidade para comunicar e para entender a mensagem divina. 6Uma vez que o testemunho de Cristo está arraigado no vosso meio, 7já nenhum dom vos faltará, enquanto esperarem a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo. 8Ele há-de fazer com que continuem firmes até ao fim, de modo que ninguém tenha de que vos acusar no dia da sua vinda. 9Deus chamou-vos a viver em comunhão com o seu Filho, Jesus Cristo, nosso Senhor. E Deus cumpre a sua palavra. 10Irmãos, peço-vos, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, que vivam em harmonia, sem divisões e unidos no mesmo ideal e no mesmo pensamento. 11É que, meus irmãos, eu recebi informações a vosso respeito pelos da família de Cloé. Disseram-me que há desentendimentos no vosso meio. 12Refiro-me àquilo que andam por aí a dizer: «Eu sou de Paulo!», «Eu sou de Apolo!», «Eu sou de Pedro!», «Eu sou de Cristo!». 13Será que Cristo está dividido? Será que Paulo morreu na cruz pela vossa salvação, ou foram baptizados em nome de Paulo? 14Dou graças a Deus por não ter baptizado por aí ninguém, a não ser Crispo e Gaio. 15Por isso ninguém pode dizer que foi baptizado em meu nome. 16Lembro-me agora que baptizei também a família de Estéfanas, mas não me recordo de ter baptizado mais ninguém. 17Cristo não me mandou ir baptizar, mas sim anunciar a boa nova, sem usar palavras de sabedoria humana para não tirar o valor à morte de Cristo na cruz. 18Com efeito, a mensagem da cruz é uma loucura para os que não se salvam. Mas, para nós que recebemos a salvação, é a manifestação do poder de Deus. 19Diz a Sagrada Escritura: Destruirei a sabedoria dos sábios e desprezarei a esperteza dos inteligentes. 20Onde estão os sábios? Onde estão os doutores das Escrituras? Onde estão os entendidos nas coisas deste mundo? Não mostrou Deus que a sabedoria deste mundo não passa de loucura? 21Pois, uma vez que Deus fez com que os homens não o reconhecessem pela sabedoria humana, ele achou por bem salvar os crentes por meio da mensagem que anunciámos, mesmo se ela parece uma loucura. 22De facto, os judeus pedem sinais milagrosos e os gregos procuram sabedoria. 23Mas nós anunciamos Cristo que morreu na cruz. Isto causa horror aos judeus e parece uma loucura para os não-judeus. 24Mas para aqueles que foram chamados, quer sejam judeus quer não, Cristo é o poder e a sabedoria de Deus. 25Na verdade, aquilo que nas obras de Deus parece loucura tem muito mais sabedoria do que toda a sabedoria humana e aquilo que parece fraqueza tem muito mais força do que toda a força humana. 26Irmãos, pensem no que eram quando foram chamados por Deus. Do ponto de vista humano não eram muitos os sábios, os poderosos ou os da alta sociedade. 27Pelo contrário, Deus escolheu aqueles que os homens tinham por ignorantes para envergonhar os sábios e aqueles que os homens tinham por fracos para envergonhar os fortes. 28Deus escolheu os que no mundo não têm importância nem valor para deitar abaixo os que parecem importantes. 29Assim, ninguém se pode orgulhar diante de Deus. 30Ele é que vos deu vida em união com Cristo Jesus, que se tornou para nós a sabedoria e a justiça que vem de Deus, e que nos consagrou a ele e nos libertou do pecado. 31Deste modo, e como diz a Sagrada Escritura: Aquele que quiser enaltecer-se que o faça no Senhor nosso Deus.

will be added

X\